•  PNEUFONE: GO (62) 3243-5000//MT: (65) 3319-6000

Serviços

ALINHAMENTO

Um aspecto muito importante que você deve cuidar sempre na manutenção do seu carro é o alinhamento e balanceamento.  Na Tropical Pneus executamos serviços de alinhamento e balanceamento com equipamentos de ponta garantindo melhor desempenho e segurança na rodagem.

3 boas razões para fazer o alinhamento dos pneus constantemente

- Você economiza dinheiro, já que seus pneus vão durar mais;

- A direção ficará mais macia, pois haverá menor resistência de rolamento;

- Você terá maior controle de direção, aumentando a segurança do veículo.

Quando deve ser feito o alinhamento dos pneus?

Em todas as revisões periódicas estipuladas pelo fabricante do veículo ou pelo menos a cada 7000 quilômetros;

Sempre após um impacto forte contra buracos, pedras, guias ou outros objetos;

Sempre que houver a substituição de algum elemento da suspensão ou da direção;

Toda vez que notar algum comportamento estranho no veículo, tendendo a ir mais para um lado ou com dificuldade de se manter na trajetória;

Quando forem verificados desgastes irregulares nos pneus;

Sempre que houver substituição de pneus.

BALANCEAMENTO

Balanceamento é o processo de compensação feito para equilibrar o conjunto de pneu e rodas do veículo. Ele é importante para evitar o desgaste prematuro dos pneus e dos componentes da suspensão e da direção.

Para que serve o balanceamento dos pneus?

O balanceamento é necessário para suprimir trepidações que possam ocorrer no volante do carro. Além disto, quando há desbalanceamento, a direção torna-se instável e ocorre um desgaste irregular dos pneus.

Sinais que indicam pneus desbalanceados

A maneira mais comum de perceber um veículo com pneus desbalanceados é quando o motorista sente trepidação no volante - ou às vezes vibrações no veículo todo – ao alcançar velocidade média de 60km/h.

Porém, quando os pneus do eixo trativo e dos eixos auxiliares está desbalanceados, é mais difícil perceber as vibrações. Por este motivo é necessário balancear todas as rodas com frequência.

Quando o balanceamento deve ser feito?

- Sempre que houver substituição de pneus;

- Sempre que for efetuado conserto em pneus ou câmaras;

- Por ocasião de vibrações no volante ou guidão;

- Sempre que houver substituição de elementos do conjunto rodante – por exemplo: pastilhas de freios, rolamento da roda, peças da suspensão, etc;

Para conjuntos de  bicicletas ou motocicletas que tenham rodas com raios. Neste caso, verifique periodicamente a tensão e o estado deles;

Em caso de maiores dúvidas quanto ao alinhamento e balanceamento do seu carro, vá até uma loja da Tropical Pneus, além de vendermos pneus Pirelli, somos especializados na manutenção do seu carro e estamos prontos para melhor atendê-lo.

GEOMETRIA

CAMBAGEM

O camber é determinado pela inclinação da parte superior da roda, para dentro ou para fora do veículo, em relação a um plano vertical e pode ser positiva ou negativa. A cambagem excessiva provoca um desgaste mais acentuado no ombro do pneu. Se o camber for positivo, o desgaste será no ombro externo, se for negativo o desgaste será no ombro interno do pneu.

 

A função do camber é distribuir o peso do veículo sobre a banda de rodagem dos pneus de maneira uniforme, evitando desgaste irregular dos mesmos. Desgaste excessivo nos "ombros" dos pneus são geralmente atribuídos a regulagens incorretas de camber.

Quando a cambagem é ajustada corretamente ela permite a toda a superfície do pneu aderir à pista, maximizando o uso da área de contato do pneu ao fazer curvas em altas velocidades. Ajustes de cambagem são utilizados para manter a maior aderência possível da superfície do pneu com as curvas da pista.

 

CASTER

É o angulo de inclinação para frente (negativo) ou para trás (positivo) do pino mestre ou braço de suporte do eixo na parte superior, com relação a um plano vertical. O caster é responsável pela estabilidade direcional do veículo. Pouco ou nenhum caster ocasionará um bamboleio na roda, resultando em desgaste acentuado em pontos localizados da banda de rodagem de um pneu.

O caster desigual faz com que a roda puxe para um lado, provocando um desgaste irregular da banda de rodagem do pneu. O caster excessivo originará um desgaste total e prematuro da banda de rodagem do pneu.

- Positivo: quando a inclinação do eixo de giro é para frente

- Negativo: quando a inclinação do eixo de giro é para traz

- Zero: quando o eixo de giro está na vertical

A maioria dos carros não é sensível aos ajustes do Caster. Porém, é importante assegurar-se de que o Caster seja o mesmo em ambos os lados do carro para evitar puxar para um lado. Enquanto grandes ângulos de Caster servem para melhorar a estabilidade em linha reta, causam também um aumento no esforço para virar. Três a cinco graus de Caster positivo são a escala típica dos ajustes. Use ângulos menores para veículos mais pesados para facilitar a virada do volante.

TROCA DE ÓLEO

O lubrificante é item importantíssimo na manutenção do carro, pois atenua os efeitos causados pelo atrito de uma peça na outra, dentro do motor.

Quando devo trocar o óleo do carro?

Você encontra a hora certa de trocar o óleo do seu carro no manual do proprietário. Provavelmente, haverá dois tipos de prazo: um para uso normal e outro para o severo. Uma condição de uso severo é típica de veículos que trafegam em centros urbanos ou em estradas com poeira. Já o uso leve é aquele carro que trafega percursos longos a velocidades constantes.

Por que é importante trocar o óleo na quilometragem certa?

Passado o tempo recomendado, o líquido começa a ficar muito sujo, espesso e a função de lubrificar o motor acaba comprometida. Isso pode gerar diversos danos ao automóvel.

Qual a diferença entre o óleo sintético e o mineral?

Eles são obtidos de maneiras diferentes. Os minerais vêm da separação de componentes do petróleo, sendo uma mistura de vários compostos. Já os sintéticos são gerados por reação química, resultando assim em produtos de maior nível de desempenho.

Quando o filtro de óleo deve ser trocado?

O filtro é responsável por reter as impurezas do óleo, que seriam depositadas no motor. Por causa do acúmulo de sujeira, a passagem do lubrificante fica prejudicada e isso pode gerar danos no motor. O período de troca do filtro de óleo também é recomendado pelo fabricante do veículo, mas normalmente ela é feita a cada troca de óleo.

Qual a importância do óleo de freio?

O bom funcionamento do sistema de frenagem depende do fluido de freio e do estado dos discos, pastilhas, lonas e tambores. O recomendável é que esse fluido seja trocado a cada dois anos ou 40 mil km, o que ocorrer primeiro. Já as pastilhas devem ser verificadas a cada 10 mil km e trocadas quando necessário.

HIGIENIZAÇÃO DE AR CONDICIONADO

Dirija com Saúde ! Higienize o Ar Condicionado de seu carro. Você sabia que o sistema de Ar Condicionado do seu carro contém diversos tipos de microorganismos ? E que esses microorganismos fazem mau à sua saúde ? Você não sabe mas o sistema de Ar Condicionado do seu carro pode estar contaminado por indesejáveis microorganismos. Fungos, bactérias e ácaros podem ser os grandes vilões de um sistema de Ar Condicionado.

Quando devo fazer a manutenção do Ar Condicionado do meu carro ?

A maior parte dos fabricantes de veículos recomendam que se faça o serviço de Higienização e troca do filtro anti-pólem a cada 10 Mil. Km ou 3 vezes ao ano.
Para carros que não possuem filtros Higienizar 4 vezes ao ano.

RADIADOR (ARREFECIMENTO)

O sistema de arrefecimento é o responsável por manter a temperatura de funcionamento do motor em um regime normal em torno dos 100ºC. O motor de combustão interna, em seu funcionamento, gera uma quantidade de calor muito grande.

O motor de ciclo Otto, por exemplo, perde em torno de 33% da potência gerada em forma de calor, tornando a temperatura um fator de destaque, dos problemas que afetam o funcionamento do motor. A temperatura contribui com a dilatação e compressão do material, e conseqüentemente quando o dimensional das peças é afetado o motor sente isso e seu funcionamento é alterado.

O desgaste do motor é outro item muito ligado a temperatura. O atrito gera calor que conseqüentemente gera o desgaste prematuro dos componentes do motor. Quando a temperatura não pode ser controlada as peças chegam a tal regime de temperatura onde começam a se fundir, o dimensional mais uma vez é modificado e o motor tranca, parando de funcionar.

Para se evitar estes tipos de problemas no motor temos a participação do sistema de arrefecimento que mantém a temperatura de funcionamento em índices ideais. O sistema conta com a circulação da água dentro de galerias no bloco e cabeçote junto com alguns componentes como bomba d’água e válvula termostática. O sistema ainda conta com um reservatório e um radiador para fazer a troca do calor com o meio externo.

DESEMPENO DE RODA E EIXO

O desempeno de roda realizado pela Tropical Pneus é feito através de equipamento moderno, destinado a corrigir rodas de diversos aros, em especial as rodas de liga-leve.

 As maiores reclamações nos dias de hoje são as ruas esburacadas causando transtorno aos motoristas, quando caem em um tremendo buraco acabam empenando as rodas do veículo ou  cortando o pneu.

 A maioria dos motoristas quando chegam em uma loja de auto center ficam " com a pulga atrás da orelha", e pergunta a si mesmo: desempeno ou não a roda do veículo?, " será que esse cara está  me enrolando" ? Em fim as rodas empenadas causam vibrações constantes no volante em uma certa velocidade tornando um  desconforto para quem está conduzindo o veículo. Também o pneu está rodando de forma irregular esmagando a malha- de- aço e deformando os pneus.Caro cliente de uma atenção especial para as rodas de seu veículo, faça sempre o balanceamento e o desempeno das rodas.


Como identifico uma roda empenada?

Rodas empenadas causam vibrações constantes no volante, em certas velocidades gera um grande desconforto para o condutor do veículo. Geralmente ocasionado pelas más condições das estradas promovendo diversos impactos nas rodas, fazendo com que o pneu rode de forma irregular esmagando a malha- de- aço e deformando os pneus. 

Tenha uma atenção especial para as rodas de seu veículo, faça sempre o balanceamento e o desempeno das rodas.

ESCAPAMENTO

Realizamos a troca do seu escapamento.

SISTEMA DE FREIO (Dianteiro/ Traseiro)

O sistema de freio funciona graças ao atrito resultante do contato entre um elemento não rotativo do veículo e um disco ou tambor (polia) que gira com a roda. O atrito produz a força necessária para reduzir a velocidade do automóvel ao converter em calor que se dissipa no ar a energia mecânica do veículo.

Como identificar necessidade de reparos do Sistema de Freio?

Existem vários componentes no sistema de freio, contudo alguns pontos básicos devem ser observados, vazamentos  e baixo desempenho em frenagens são alguns deles.

LIMPEZA DO SISTEMA DE FREIO

Assim como qualquer sistema automotivo o sistema de freio requer manutenção preventiva, principalmente por se tratar de um sistema de segurança primordial.

Quando deve ser feita?

Deve ser feito a sangria a cada troca de fluido ou 30.000 km.
Os principais sintomas que indicam a necessidade são: pedal de freio “borrachudo” e pedal do freio descendo.
Antes de executar a sangria, é necessário analisar se existem vazamentos no sistema. Caso haja, é preciso fazer o reparo antes de qualquer coisa.

SUSPENSÃO

O sistema de suspensão é responsável em proporcionar conforto aos seus ocupantes.
Um bom sistema de suspensão tem a função de absorver parte da energia de uma mola após esta ter sido comprimida. 

Amortecedores gastos deixam de exercer a sua função e ficam sem ação, o que leva ao desgaste prematuro dos componentes da suspensão.

AMORTECEDOR

De fundamental importância para o movimento dos carros, os amortecedores funcionam para basicamente manter os pneus em contato com o solo e ajudar a absorver os impactos sofridos pela carroceria nas ruas esburacadas das cidades grandes.

Devido à importância, é preciso ficar atento ao desgaste dessas peças, a fim de evitar riscos de acidentes e prejuízos maiores.


Como identificar  necessidade de reparo nos amortecedores?

- Pouca resposta da direção, rigidez ou ruído;

- Vazamento de fluido do amortecedor ou de estrutura da suspensão;

- Amortecedor amassado ou danificado;

- Inclinação excessiva ou instabilidade durante frenagem;

- Balanços ou inclinação ao trocar de faixa;

- Desgaste irregular de pneu;

- Direção dura, irregular ou instável

BANDEJA

O que é?
A bandeja, braço de suspensão oscilante, é um subconjunto do sistema de suspensão dos veículos. Em condições ideais, ela trabalha em harmonia com os demais componentes da suspensão, ligando a roda ao chassi do veículo e contribuindo para a melhor estabilidade, conforto e segurança do sistema. Sua construção é formada por sua estrutura estampada, forjada ou fundida, buchas e pivô.

Qual é a função?
- Ligar a roda ao chassi do veículo, através dos elementos bucha e pivô.
- Determinar o alinhamento das rodas (tamanho, formato e posicionamento).
- Permitir movimentos verticais da suspensão (subir e descer).
- Suportar forças laterais (nas curvas).
Quando substituir?
Os defeitos de uma bandeja são: estrutura empenada, amassada, trincada ou fora de esquadro/ pivô com folga/ buchas com folga.

Em razão dos grandes esforços que a peça é submetida, recomenda-se sua verificação periódica e mesmo quando forem detectados apenas desgastes nas buchas, por segurança e prevenção, substituir a peça completa.

REGULAGEM DE MOTOR

Regulagem de motor.